November 03, 2009

Desperta.dor


Invades-me o sonho e agitas o meu corpo que dorme, fazes-me tua, és dono do meu pensamento. E eu sonho… sem querer acordar, sem querer continuar. E eu acordo… uma cama gigante nasce por entre um sonho falhado, onde estás? O que te aconteceu?
As noites são tuas e minhas. Não são bonitas. Ladrão de fantasias.

E eu pergunto apenas, entre o sonho e a alucinação, se alguma vez roubei as tuas noites

4 Comments:

Anonymous viashimo said...

Bom nome.

3:01 PM  
Blogger Abominável Homem das Naves said...

Acorda!

5:03 PM  
Blogger Abominável Homem das Naves said...

Please...

5:03 PM  
Anonymous Anonymous said...

Porquê que deixaste de escrever Sara? Não sei porquê, nunca mais esqueci o nome do teu blog. Continua, distraída.

9:35 AM  

Post a Comment

Links to this post:

Create a Link

<< Home